Minhas Compras
Você adicionou a sua lista de compras. O que deseja fazer agora?
Continuar Comprando! Fechar Compra!
X

Fale Conosco:

Aguarde, enviando contato!

Home / Destaques / Quartistas criam Associação Nacional de Tambor e Baliza

Quartistas criam Associação Nacional de Tambor e Baliza

Cada vez mais o número de inscritos nas provas equestres da Raça Quarto de Milha cresce no País

Por Valdeci Gomes no dia em Destaques

Quartistas criam Associação Nacional de Tambor e Baliza
  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Google Plus00
  • Compartilhar no Twitter

Cada vez mais o número de inscritos nas provas equestres da Raça Quarto de Milha cresce no País, e com o aumento, a necessidade de uma entidade especializada em cada modalidade. Por este motivo, a exemplo da Associação Nacional dos Cavalos de Rédeas, a ANCR, e da Associação Nacional da Apartação, a ANCA, que foram criadas há alguns anos, está surgindo a Associação Nacional do Tambor e Baliza. A iniciativa é liderada pelos próprios criadores quartistas, que buscam aperfeiçoamento no esporte.

Há anos a modalidade Tambor é a que mais ganha adeptos na Raça Quarto de Milha. Prova disso estão nos números de inscritos em eventos oficiais e oficializados pela ABQM, e rodeios. Só no ano passado, de janeiro a dezembro, foram registradas 90 mil inscrições nas provas dos Três Tambores. Um número que mostra cada vez mais a necessidade de ter um espaço dedicado apenas à modalidade.

A intenção é que a nova entidade já esteja em pleno desenvolvimento ainda neste ano. E quem afirma isso é um dos fundadores, Odilon Diniz, que junto a outros criadores, discutem o assunto há mais de dois anos.

“Queremos um foco maior no Tambor e na Baliza. Unificar regras. São muitos eventos que realizam as modalidades espalhadas pelo País. Temos que cuidar disso. Melhorar o treinamento, analisar as necessidades, formar profissionais”, completou Odilon, que ainda ressaltou “Queremos representatividade junto aos órgãos públicos, no governo, e assim, levar o reconhecimento de nossos resultados para outros países. Sermos reconhecidos lá fora”, completou.

Odilon disse ainda estar confiante e que a sede deve ser montada em São Paulo, já que é o estado onde concentra a maioria das pistas montadas para receber as modalidades de Tambor e Baliza.

Fonte: abqm.com.br

Olá, deixe seu comentário para Quartistas criam Associação Nacional de Tambor e Baliza

Enviando Comentário Fechar :/