Minhas Compras
Você adicionou a sua lista de compras. O que deseja fazer agora?
Continuar Comprando! Fechar Compra!
X

Fale Conosco:

Aguarde, enviando contato!

Home / Notícias / PROJETO CRIADORES DO NORDESTE

PROJETO CRIADORES DO NORDESTE

GRAN PRIX NOVO NORDESTE

Por Valdeci Gomes no dia em Notícias

PROJETO CRIADORES DO NORDESTE
  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Google Plus00
  • Compartilhar no Twitter

No intuito de fomentar o turfe baiano e do nordeste, grupo formado por criadores decidem criar o seguinte projeto.

1 - Realização anual de um circuito denominado GRAN PRIX NOVO NORDESTE abrangendo os estados nordestinos. Inicialmente teremos quatro a cinco provas que poderão ter sedes nos estados da Bahia, Ceara, Pernambuco e Sergipe.

2 - Todavia nesse grande premio só poderão participar criadores do nordeste com suas devidas criações, tipo animais nascidos e filhos de garanhões radicalizado e alojado na região, que seja nacional ou importado.

3 - Serão vendidas cotas de anuidade para cada garanhão, sendo no máximo de duas cotas.

4 - Uma cota do garanhão dará direito ao proprietário nominar 10 fi lhos daquele garanhão; todavia a segunda cota do garanhão poderá nominar mais 05 produtos totalizando assim o numero máximo de 15 produtos por garanhão para o GRAN PRIX.

5 - Aos 12 meses de idade do produto, cada proprietário pagará uma taxa de pré inscrição no valor R$ 500,00 (quinhentos reais) por cada produto nominado.

6 - Aos 18 meses o criador ou proprietário do animal pré inscrito pagará mais uma taxa de R$ 500,00 (quinhentos reais) confi rmando dessa forma a quitação total da inscrição, a qual poderá ser dividida em parcelas.

7 - As cotas dos garanhões começarão a ser pagas a partir de agosto de 2016, uma cota será no valor de cinco mil reais (R$ 5.000,00) e a segunda cota para o mesmo garanhão será também de cinco mil reais (R$:5.000,00), podendo as mesmas ser dividas em até 20 parcelas no boleto bancário ou entre acordo com a comissão financeira do GRAN PRIX NOVO NORDESTE.

8 - As pré-inscrições e confi rmação dos animais devem ser paga no máximo em 12 parcelas fixas.

9 - Após a nominação defi niti va de todos os animais inscritos, e na época dos GPs qualquer animal poderá ser vistoriado por um inspetor da ABQM e feito exame de DNA. Portanto a liga ou associação a ser criada manterá convenio direto com o mesmo laboratório que realiza exames de paternidade com a ABQM, para que cada garanhão inscrito tenha esse exame disponível com o laboratório conveniado.

10 - O GRAN PRIX NOVO NORDESTE será um projeto audacioso que visa engrandecer e valorizar os pequenos, médios e grandes criadores; todo o projeto será realizado com arrecadações de cotas de garanhões, inscrições e pré inscrições, sem falar de inúmeras parcerias com empresas de rações, suplementos e medicamentos veterinários, inclusive outros seguimentos comerciais.

Exemplo:

50 cotas x 5.000,00 R$: 250.000,00
300 Pré x 500,00 R$: 150.000,00
300 Inscrição x 500,00 R$: 150.000,00
Total: R$: 550.000,00

11 - Após a primeira reunião na cidade de Ruy Barbosa - Ba fi cou decidido por criadores que a prova a ser realizada no estado da Bahia será no Haras Grupo Pereira, na cidade de Capim Grosso - BA, que receberá o nome de I GP Bahia Horse Champions e Champions, nessa prova só poderá participar animais inéditos.

12 - Pesos
Garanhão Nacional 50 kg
Garanhão Importado 53 kg

13 - A dotação para os GPs do Gran Prix Novo Nordeste será decidida em pleno acordo entre os proprietários e a Liga ou associação a ser criada. Portanto vários aspectos serão decididos por sua maioria, pois nosso maior objeti vo é o crescimento da raça Quarto de Milha no nordeste.

14 - Após a liga ou associação repassar o valor a ser designado para tal evento; o organizador daquele grande premio desti nará:

Proprietários dos animais: 80 %
Criador animal campeão: 10 %
Treinador: 01 carro zero km + 5%
(Colocar em discursão)
Jóquei Campeão: Moto zero km + 3% (Colocar em discursão)
Cavalariço Campeão: 1.000,00 + 2%

15 - Os lances de obrigação (LO) será de 5.000,00 cinco mil reais para cada animal inscrito nos GPs, porém essa confi rmação deverá ser paga a comissão organizadora 60 dias antes que antecede o evento.

16 - As regras para enturmação dos páreos serão as mesma uti lizadas no código nacional de cancha reta e Jockey Clubs Oficiais.

17 - Serão decididas nas próximas reuniões novas sedes para os estados do Ceara, Pernambuco e Sergipe pelos proprietários parti cipantes do projeto. Teremos no final do GRAN PRIX uma quinta prova Rei e Rainha da velocidade, que será sorteado entre os estados uma sede todos os anos, ou um critério designado pela liga de proprietários, podendo ou não ser realizada no mesmo Jockey Club que fez a prova do GRAN PRIX naquele estado.

18 - Qualquer proprietário ou criador poderá se habilitar a realizar umas das provas acima citadas, porém, tudo será feito em acordo ou consenso entre as partes interessadas, tudo com maior transparência, se necessário até votação para que todos fi quem sati sfeitos.

19 - Os Haras que sediará o evento fi cará com 60% e os proprietários parti cipantes daquele GP com 40%, prejuízo ou lucro será dividido em partes iguais do jogo da pedra (enfrene).
20 - Para se torna sede de umas das provas do GRAN PRIX NOVO NORDESTE se faz necessário ser coti sta do projeto e que tenha uma estrutura com um Jockey Club tipo:

• No mínimo de 25 cocheiras
• Alojamento treinadores
• Banhadores diversos
• Sanitários adequados
• Raias com no mínimo cinco (05) trilhos
• Parador de no mínimo 200 mts
• Boa localização e segurança
• Telefonia celular móvel
• Em cidade ou próxima que tenha boa rede hoteleira.

21 - Será formado uma comissão entre os proprietários para vender 50 a 60 cotas de garanhão, pois se trata de um evento de uma sociedade entre Haras parti cular, criadores e proprietários.

22 - Essas provas elevarão o nome das cidades sede e dos estados e demais cidades envolvidas, pois será um resgate e valorização da criação nordesti na visto que bateremos recordes de jogo da pedra; talvez se tornando os maiores GPs no nordeste.

23 - Será discuti do a possibilidade de incluirmos outros proprietários criadores de outros estados ti pos da região norte, Tocanti ns e Pará. Todavia essa abertura se dará se nessa segunda reunião já termos a confi rmação de criadores e proprietários parti cipando do projeto.

24 - Os animais que parti ciparem ou não do GRAN PRIX NOVO NORDESTE poderá competi r em inúmeros outros GPs, com datas tradicionais nas cidades de Capim Grosso, Ruy Barbosa, Feira de Santana, Irecê, Lem, entre tantas outras cidades e estados.

25 - Todavia no caso do GRAN PRIX NOVO NORDESTE atingir todas as expectativas e no GP que se escreverem mais de 40 potros serão feito duas classifi catórias, uma em um final de semana e a outra classifi catória e final com um prazo de 15 dias.

26 - O GP Bahia Horse Champions e Champions, que será o primeiro evento do GRAN PRIX NOVO NORDESTE será realizado nos primeiros meses do ano, pois é uma forma de liberar os animais para correr outros GPs, visto que, nesse só poderá correr inéditos; mas essa decisão
cabe a todos os proprietários parti cipantes desse projeto.

27 - Os outros GPs do GRAN PRIX a serem realizados obedecerá as normas estatuarias ti po; pesos conforme regras dos Jockeys clubs ofi ciais. Entretanto as datas serão elaboradas pela empresa Capistranoqmc, Revista Victory Race que cobrirá todos os eventos do GRAN PRIX NOVO NORDESTE. Faremos o possível para que tenhamos uma prova do GRAN PRIX a cada 60 dias.

28 - Portanto tenho plena convicção que nós criadores estamos dando um passo longo para sobrevivência e independência dos pequenos, médios e grandes criadores, sem falar do grande fator social que estaremos fazendo na geração de inúmeros empregos para o povo nordestino.

29 - Todo o projeto aqui descrito poderá ter algumas alterações no senti do de expandirmos para vários estados nordesti nos com mais provas anuais, visto que já temos no calendário nordesti no outros eventos para animais nascidos no nordeste e criação nacional inclusive com defi nições de datas para cada evento, cidade e estado.

30 - Estando todos de acordos com os itens acima mencionados assinam esse projeto como forma de compromisso e cordialidade, fi cando a comarca da cidade de Capim Grosso - Ba para dirimir qualquer eventualidade.

Capim Grosso - Ba, Março de 2016

Observações:

Nas próximas reuniões defi niremos alguns itens como:

• Se cada estado se obrigará vender X cotas;
• Como serão a distribuição de cotas ou seja o valor para cada sede;
• Quais as sedes que irão realizar essas provas;
• Quais empresa poderão ser convidadas a participar do projeto;
• Quais Leiloeiras poderão realizar os futuros leilões;
• Formação da diretoria Liga ou Associação para 2 anos de mandato;
• Criação de um comitê fi nanceiro para o Gran Prix Novo Nordeste;
• Quais Leiloeiras poderão realizar os futuros leilões;
• Formação da diretoria Liga ou Associação para 2 anos de mandato;
• Criação de um comitê fi nanceiro para o Gran Prix Novo Nordeste.


Olá, deixe seu comentário para PROJETO CRIADORES DO NORDESTE

Enviando Comentário Fechar :/